Legado olímpico do Rio inclui desvios de milhões

EFE – Apenas quatro meses depois, de o Rio de Janeiro se mostrar para todo o mundo com os primeiros Jogos Olímpicos da América do Sul, os cariocas sentem receio agora, que o legado que deveria mudar a vida de uma cidade imersa em problemas sócio-econômicos, não será como gostariam que fosse.

Quando faltavam só cem dias para o começo das olimpíadas do Rio 2016, o prefeito da cidade, Eduardo Paes, destacava a importância de um projeto sem “elefantes brancos” e o poder transformador que teriam os Jogos na cidade.

Hoje, está sob investigação por participação no desvio de verbas da construção do campo de golfe usado nas competições.

O ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, que está preso, também responde na Justiça por desvios de milhões durante a preparação dos Jogos.

brasileiros-abertura-15-03-foto-dois-credito-divulgacao-prefeitura-do-rio

Anúncios


Categorias:EFE, ESPORTE, GEO HUMANA, MÍDIAS INTERNACIONAIS, Olimpíadas Rio 2016, POLÍTICA, TODOS, Turismo

Tags:, , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: