Conheça melhor a Associação Chapecoense de Futebol

‘Chape’, assim é conhecido o Clube de futebol brasileiro, sediado na cidade de Chapecó, Santa Catarina.

Foi fundado em 10 de maio de 1973, com o objetivo de restaurar o futebol na cidade de Chapecó.

Em 2013, o clube ganhou destaque nacional após ser promovido da Série D á Série A do Campeonato Brasileiro de Futebol em 6 anos, além de disputar dois torneios continental, e também por estar presente em 5 das últimas 10 finais do Campeonato Catarinense. [3]

Chape no FACEBOOK e no YOUTUBE

playlist-yt-barra-superior

Sua origem está ligada ao fato de que, na década de 1970, a região possuía apenas alguns times amadores, sendo inexpressiva em relação ao futebol profissional.

Com o propósito de reverter esta situação, alguns desportistas da cidade, jovens apaixonados pelo esporte, decidiram se reunir para criar um time de futebol profissional para a cidade.

Entre os presentes nos primeiros encontros, destacam-se Alvadir Pelisser, Heitor Pasqualotto, Altair Zanella, representante do clube Independente, Lotário Immich e Vicente Delai, representantes do Clube Atlético de Chapecó. De maneira geral, pode-se dizer que a Associação Chapecoense, posteriormente um dos grandes do futebol catarinense, surgiu da união dos clubes Atlético Chapecó e Independente.

associacao-chapecoense-de-futebol

Ao todo, o clube já chegou a dez finais do Campeonato Catarinense e conquistou cinco títulos estaduais, o último em 2016.

Foi uma vez campeão da Copa Santa Catarina e vice em outras três oportunidades. Foi ainda campeão por duas vezes da Taça Santa Catarina.

A nível nacional, a Chapecoense conquistou acessos sendo 3ª colocada tanto na Série D de 2009 quanto na Série C de 2012, e 2ª colocada na Série B de 2013. É considerado como um dos cinco grandes clubes de Santa Catarina, junto com o Avaí, Criciúma, Figueirense e Joinville, clubes com os quais mantém forte rivalidade.

chapecoense-vitoria-sobre-o-san-lorenzo

Permanência na Série A e primeira partida internacional (2014—2015)

No ano de 2014, a Chapecoense começa como um dos favoritos para o título catarinense. Depois de 9 jogos, 4 vitórias, 3 empates e 2 derrotas, a Chapecoense não consegue a classificação para o quadrangular final, tendo que disputar o hexagonal do rebaixamento, conforme regras da competição. Foram 10 jogos, 6 vitórias, 2 empates e 2 derrotas, a Chapecoense acaba na primeira colocação do hexagonal.

chapecoense-goleiro-danilo-agradece-de-joelhos-a-vitoria

Como a Chapecoense havia sido vice-campeã catarinense no ano anterior, conquistou o direito de disputar a Copa do Brasil de 2014. Na primeira fase, foi até Rio Branco jogar contra o Rio Branco Esporte Clube e ganhou pelo placar de 2-0, eliminado o jogo de volta em Chapecó. Na segunda fase, o time enfrentaria o Ceará. No primeiro jogo em Fortaleza, o time da casa vence por 2-1. Em Chapecó, a Chapecoense não consegue bater o adversário e arranca um empate e, novamente, é eliminada na segunda fase da competição.

Alguns meses depois, finalmente faz a sua estreia no Campeonato Brasileiro de Futebol. O objetivo principal da equipe era se manter na primeira divisão do futebol nacional, já que era sua primeira participação. Após as 38 rodadas com 11 vitórias, 10 empates e 17 derrotas, a Chapecoense conclui seu objetivo, ficando na 15º posição e garantindo presença na Série A de 2015. Uma dessas vitórias, teve muita repercussão na impressa nacional, a goleada da Chapecoense sobre o Internacional por 5-0.

Em 2015, começa o Campeonato Catarinense de 2015 novamente como favorita, e confirma o favoritismo ficando na 1º colocação e classificando-se para o Hexagonal Final. Na segunda fase, acaba ficando na terceira posição e acaba perdendo a vaga na final para o Joinville e o Figueirense.

chapecoense-campeao

Como a Chapecoense havia ficado em primeiro lugar na primeira fase do Campeonato Catarinense, teve vaga assegurada na Copa do Brasil de Futebol de 2015. Primeira fase, viaja até o Tocantins e ganha do Interporto por 5-2, eliminado o jogo da volta. Novamente, assim como em 2014, é eliminada na segunda fase nos pênaltis pelo Sport. A eliminação na Copa do Brasil fez com que a Chapecoense garantisse vaga na Copa Sul-Americana de 2015 como melhor colocada no Campeonato Brasileiro do ano anterior.

No Campeonato Brasileiro, a Chapecoense manteve um rendimento parecido com a do ano de 2014, foram 11 vitórias, 10 empates e 17 derrotas. Inclusive, novamente, teve destaque na imprensa nacional, a goleada feita frente ao Palmeiras por 5-1.

A eficácia da gestão foi provada quando a Chapecoense foi revelada como equipe menos endividada das 20 na primeira divisão, um valor de R$ 5 milhões (o último do ranking, Flamengo, tem débitos mais de 100 vezes maiores com R$ 546 milhões) graças a baixas despesas: o teto salarial da equipe é R$ 90 mil e a folha de pagamento soma R$ 2 milhões. [8]

Acidente em 2016

Às 22 h (hora local) de 28 de novembro de 2016 (1:15 h, do dia 29 de novembro no Brasil) uma aeronave da empresa venezuelanaLamia, com matrícula CP 2933 proveniente de Santa Cruz de la Sierra, Bolívia, caiu em Cerro Gordo, com oitenta e uma pessoas a bordo, inclusive toda a equipe do time brasileiro da Chapecoense que iria a Medellín onde disputaria uma partida contra o Atlético Nacional pela final da Copa Sul-Americana.[14]

76-mortos-e-5-sobreviventes-em-voo-da-chapecoense

O time teve um voo direto a Medellín vetado pela Agência Nacional de Aviação Civil, então serviu-se da escala na Bolívia, para onde viajou em voo comercial.[15] Deixaram de acompanhar a equipe os jogadores Neném, Demerson, Marcelo Boeck, Andrei, Hyoran, Martinuccio, Nivaldo e Rafael Lima que não seriam usados pelo técnico Caio Júnior; também não acompanhou o time o prefeito de Chapecó, que fora convidado a integrar a comitiva.[15] Rodrigo Ernesto e Pablo Castro, que são responsáveis pela logística do clube, já estavam na Colômbia, onde aguardavam sua chegada.[15]

Chapecoense

Nome Associação Chapecoense de Futebol
Alcunhas Chape
Verdão do Oeste
Furacão do Oeste
ChapeTerror
Torcedor/Adepto Chapecoense
Mascote Índio
Fundação 10 de maio de 1973 (43 anos)
Estádio Arena Condá
Capacidade 22.830 pessoas[1]
Localização

Chapecó ,Santa CatarinaSC, BrasilBrasil

Presidente Brasil Sandro Pallaoro
Treinador Brasil Caio Júnior
Patrocinador Brasil Caixa
Brasil Aurora
Material esportivo Inglaterra Umbro
Competição Santa Catarina Campeonato Catarinense
Brasil Copa do Brasil
Brasil Campeonato Brasileiro

Copa Sul-Americana

Santa Catarina SC 2016
Brasil CB 2016
Brasil A 2016

SA 2016

Campeão
Terceira-fase
Em disputa
Finalista
Santa Catarina SC 2015
Brasil CB 2015
Brasil A 2015

SA 2015

3ª colocada
2ª fase
14ª colocada
Quartas-de-final
Santa Catarina SC 2014
Brasil CB 2014
Brasil A 2014
5ª colocada
2ª fase
15ª colocada
Ranking nacional Aumento (6) 24º lugar, 6.336 pontos
Website Associação Chapecoense de Futebol
Uniforme
titular
Uniforme
alternativo
Uniforme
alternativo
Temporada atual

torcida-do-chapecoense-1024x768

Anúncios


Categorias:EDUCAÇÃO, ESPORTE, Futebol, TODOS, Tragédias

Tags:, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: